O Mitrade Insights dedica-se a fornecer aos investidores informações financeiras ricas, oportunas e valiosas para ajudá-los a entender a situação do mercado e encontrar oportunidades de negociação oportunas.
    2021
    Melhor Provedor de Notícias e Análise
    FxDailyInfo
    2022
    Melhores Recursos Educacionais de Forex Global
    International Business Magazine

    Commodities: O que significa e como investir nesses ativos

    Minutos
    Atualizado em 10/11/2023 07:58
    Mitrade Team

    Commodities são ativos físicos que têm um papel crucial na economia global. Frequentemente, são recursos naturais como minerais, petróleo, grãos ou gado, mas também podem ser produtos financeiros, como moedas ou índices. Neste artigo, vamos explorar o conceito de commodities, seu significado e como você pode incorporá-los em sua estratégia de investimento. Vamos desvendar o mistério por trás desse termo muito usado, mas muitas vezes pouco compreendido, para permitir que você tome decisões de investimento informadas. Seja você um investidor iniciante ou experiente, entender o que são commodities pode abrir novas oportunidades de diversificação e potencial de lucro.

    O que são commodities?

    Commodities são bens primários ou matérias-primas comercializadas no mercado internacional. Elas são produtos padronizados que podem ser comparados com base apenas em seus preços, pois são equivalentes qualitativamente.

    As commodities mais comuns incluem:

    ● Metais preciosos como ouro, prata, etc.

    ● Metais básicos como cobre, alumínio, zinco, etc.

    ● Energia como petróleo, gás natural, carvão, etc.

    ● Grãos e oleaginosas como milho, trigo, soja, etc.

    ● Animais vivos como gado, porcos, etc.

    ● Produtos tropicais como café, cacau, açúcar, etc.

    As commodities são negociadas em bolsas ou mercados organizados, onde seus preços são determinados pela oferta e demanda globais. Elas servem como matérias-primas para diversos setores industriais e sua cotação tem grande impacto na economia.

    Países emergentes como o Brasil são grandes exportadores de commodities agrícolas e minerais. Já países desenvolvidos consomem uma grande quantidade de commodities como insumos industriais e energéticos. O comércio global de commodities movimenta trilhões de dólares por ano.

    O mercado global de commodities

    O mercado global de commodities movimentou cerca de US$3,6 trilhões em 2022. Nesse sentido, o comércio de commodities representa uma parte significativa da economia global, respondendo por 15% do PIB mundial.

    Os principais números do mercado de commodities incluem:

    ● O petróleo é a commodity mais negociada, representando cerca de 12% do total. Em 2022, o valor do mercado global de petróleo foi de US$1,9 trilhão.

    ● Os metais preciosos, como ouro e prata, movimentaram US$180 bilhões.

    ● O mercado global de grãos, como soja, milho e trigo, faturou US$330 bilhões em 2022.

    ● As commodities agrícolas, incluindo café, cacau, açúcar e algodão, totalizaram US$270 bilhões.

    ● O gás natural teve um faturamento de US$210 bilhões no mercado internacional.

    ● O carvão mineral movimentou US$220 bilhões em transações globais.

    Os principais centros de negociação de commodities estão em Chicago, Londres, Xangai e Dalian. O Brasil se destaca como grande exportador de commodities agrícolas e minerais.

    Comece a Negociar Agora

    *Registre-se e ganhe um bônus de US$ 100*

    Tipos de Commodities

    Depois de entender o que são commodities, é interessante entender sua classificação. As commodities podem ser classificadas em diferentes categorias de acordo com suas características e usos:

    Tipos de Commodities

    Descrição

    Exemplos de Commodities populares

    Commodities energéticas

    São essenciais para gerar energia e movimentar setores como transporte, indústria e utilidades domésticas.

    ● petróleo

    ● gás natural

    ● carvão

    ● urânio

    Commodities metálicas

    São amplamente utilizados na indústria, construção e joalheria.

    ● ouro

    ● prata

    ● platina

    ● cobre

    ● ferro

    ● alumínio

    ● zinco.

    Commodities agrícolas

    Matérias-primas essenciais para alimentação humana e animal.

    ● grãos

    ● fibras

    ● oleaginosas 

    ● açúcar

    ● café

    Commodities pecuárias

    Referem-se a animais vivos e seus derivados, importantes fontes de proteínas.

    ● leite

    ● ovos

    ● carne de frango

    ● carne bovina

    ● carne suína

    ● couro

    Commodities tropicais

    Produtos típicos de regiões quentes, utilizados tanto na alimentação quanto na indústria cosmética e farmacêutica.

    ● cacau

    ● chá

    ● especiarias

    ● frutas exóticas

    A produção e comercialização de commodities está presente em praticamente todos os setores econômicos, desempenhando um papel vital nas cadeias globais de suprimentos.

    Quais são as principais commodities brasileiras?

    O Brasil é um dos maiores produtores e exportadores de commodities do mundo. Algumas das principais commodities produzidas no país são:

    🔵 Soja

    A soja é a commodity mais importante para o Brasil. O país é o segundo maior produtor mundial, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. Em 2022, as exportações brasileiras de soja somaram US$ 60,95 bilhões. O grão é utilizado para produzir farelo e óleo de soja, com aplicações tanto na alimentação humana e animal, quanto em biocombustíveis.

    🔵 Minério de Ferro

    O minério de ferro é a segunda commodity mais relevante para as exportações do país. O Brasil é um dos líderes globais na produção de minério de ferro, usado como matéria-prima siderúrgica. As vendas externas somaram US$ 29,04 bilhões em 2022.

    🔵 Petróleo

    O petróleo bruto é outra commodity estratégica produzida no Brasil. Com a exploração do pré-sal, o país vem aumentando sua produção e exportação de petróleo nos últimos anos. Em 2022, o petróleo bruto representou US$ 27,40 bilhões nas exportações.

    🔵 Açúcar

    O Brasil também se destaca como maior exportador global de açúcar. Em 2022, o país embarcou US$ 9,5 bilhões em açúcar para o exterior. O setor sucroenergético brasileiro produz tanto açúcar quanto etanol a partir da cana-de-açúcar.

    🔵 Carnes

    O país é um dos principais fornecedores mundiais de carnes de frango e bovina. As exportações desses produtos somaram US$ 11,8 bilhões em 2022. O setor pecuário do Brasil abastece os mercados interno e externo.

    Nesse sentido, pode-se perceber a importância das commodities para a economia brasileira, gerando empregos e divisas. Além disso, o país possui um grande potencial de crescimento em outras commodities, como o milho, algodão e minérios não ferrosos.

    Comece a Negociar Agora

    *Registre-se e ganhe um bônus de US$ 100*

    Por que investir em commodities?

    Investir em commodities pode ser uma estratégia interessante por alguns motivos:

    Diversificação: as commodities tendem a ter comportamento descorrelacionado de outros ativos como ações e títulos, contribuindo para diversificar a carteira.

    Inflação: historicamente, os preços das commodities acompanham a inflação, servindo como uma proteção.

    Crescimento econômico: em períodos de expansão da atividade econômica global, a demanda por commodities tende a aumentar, impulsionando seus preços.

    Oferta e demanda: os preços das commodities são ditados pela oferta e procura mundial, não dependendo de políticas de bancos centrais.

    Ativos reais: commodities são ativos reais, com valor intrínseco, diferentemente de ativos financeiros que dependem da percepção de valor.

    Retornos: commodities apresentaram retornos significativos em ciclos recentes de alta, como entre 2000 e 2008.

    No entanto, investir em commodities também envolve riscos, como volatilidade de preços, questões geopolíticas e custos de armazenamento. Uma análise cuidadosa é recomendada antes de investir nesse mercado.

    Como investir em commodities?

    As commodities são ativos interessantes para diversificar uma carteira de investimentos, mas é preciso entender seu funcionamento antes de começar a investir. Vamos ver um passo a passo de como investir em commodities:

    1️⃣ Abra uma conta em uma corretora: A maioria das corretoras permite investir em commodities. Abra uma conta em uma corretora regulamentada, como a MiTrade. Forneça seus documentos e faça aportes iniciais conforme as exigências.

    2️⃣ Escolha as commodities: Analise o mercado e decida em quais commodities investir. Avalie tendências de preço, riscos geopolíticos, uso das commodities. Ouro, petróleo e soja são opções populares.

    3️⃣ Defina sua estratégia: Determine se vai operar no curto prazo, visando lucros com oscilações de preços, ou no longo prazo, para obter ganhos com tendências. Isso definirá seu volume e frequência de operações.

    4️⃣ Compre contratos futuros: O principal instrumento para investir em commodities são os contratos futuros. Eles permitem alavancagem e operar tanto comprado quanto vendido. Comece com contratos padronizados.

    5️⃣ Monitore suas posições: Acompanhe diariamente o desempenho de suas posições em commodities. Analise os gráficos de preço e indicadores técnicos para decidir o melhor momento de fechar as operações.

    Investir em commodities exige conhecimento deste mercado específico. Comece aos poucos para ir aprendendo sem correr riscos excessivos. Boas opções para diversificar investimentos.

    Comece a Negociar Agora

    *Registre-se e ganhe um bônus de US$ 100*

    Vantagens e desvantagens de investir em commodities

    Agora que você sabe o que são commodities e como investir nelas, vamos listar algumas vantagens e desvantagens de investir nesse mercado:

    Prós

    Contras

    ✔️ Diversificação: Como já mencionado, as commodities são ativos descorrelacionados com outros investimentos, o que ajuda a diversificar uma carteira.

    ✔️ Proteção contra inflação: Em períodos de alta inflação, as commodities tendem a valorizar, protegendo o poder de compra do investidor.

    ✔️ Retornos potenciais: As commodities podem apresentar retornos expressivos em momentos de alta demanda e preços elevados.

    ❌ Volatilidade: Os preços das commodities são altamente voláteis, podendo sofrer oscilações bruscas em curto prazo.

    ❌ Riscos geopolíticos: Questões políticas e sociais podem afetar a oferta e demanda de commodities, gerando incertezas no mercado.

    ❌ Custos de armazenamento: Algumas commodities, como o petróleo, exigem custos de armazenamento que podem impactar os retornos.

    ❌ Alavancagem: Investir em contratos futuros pode envolver alavancagem, aumentando os riscos das operações.

    Antes de investir em commodities, é importante entender o que são commodities, suas vantagens e desvantagens e avaliar seu perfil de investidor para decidir se esse é o tipo de ativo mais adequado para sua estratégia. A diversificação e a proteção contra inflação são grandes atrativos, mas é importante estar ciente dos riscos envolvidos.

    Por isso, sempre faça uma análise cuidadosa antes de tomar qualquer decisão de investimento.  O mercado de commodities é complexo e dinâmico, por isso uma boa estratégia e conhecimento sobre o mercado podem ser cruciais para alcançar bons resultados. Invista com consciência e sempre busque informações atualizadas.

    Reduzindo os riscos ao investir em commodities

    Investir em commodities pode ser uma estratégia interessante, mas é importante estar ciente dos riscos envolvidos. Para reduzir esses riscos, é possível utilizar algumas estratégias:

    📍 Entenda o mercado: Entenda em detalhes o que são commodities e como elas são negociadas no mercado global antes de abrir posições.

    📍 Diversificação: Como já mencionado, investir em diversas commodities pode ajudar a reduzir os riscos, já que os preços não se movimentam de maneira totalmente correlacionada.

    📍 Acompanhamento constante: Fique atento(a) às tendências do mercado e ao desempenho das suas posições. Isso pode ajudar a identificar possíveis riscos e decidir o melhor momento de entrar ou sair das operações.

    📍 Stop loss: Utilizar ordens de stop loss pode ajudar a limitar perdas caso o preço das commodities se movimente contra sua posição. Essa é uma forma de controlar o risco e evitar grandes prejuízos.

    📍 Estratégias de hedging: Para reduzir ainda mais os riscos, é possível utilizar estratégias de hedge, como a compra de contratos futuros opostos à sua posição atual ou o uso de opções. Essas estratégias visam proteger suas posições em caso de movimentos desfavoráveis do mercado.

    Lembre-se sempre de buscar informações e conhecimento antes de investir em commodities. Com uma boa análise e estratégia, é possível aproveitar as oportunidades desse mercado tão importante para a economia global.

    Vale a pena investir em commodities?

    Depois de entender o que são commodities, você pode pensar que investir nelas pode ser uma estratégia interessante, mas requer análise cuidadosa. As commodities são ativos reais com valor intrínseco, o que as diferencia de ativos financeiros. Além disso, tendem a ter comportamento descorrelacionado de outros investimentos, contribuindo para diversificação.

    Por outro lado, as commodities apresentam volatilidade nos preços, influenciados por fatores como oferta, demanda, clima e geopolítica. Isso aumenta o risco para o investidor. Outra desvantagem são os custos de armazenamento e transporte que incidem sobre alguns tipos de commodities.

    Portanto, é preciso avaliar se as commodities se encaixam no perfil e nos objetivos do investidor. Elas podem servir tanto para proteção contra inflação e diversificação, como para obter ganhos especulativos de curto prazo. Mas demandam acompanhamento constante das cotações e dos fatores que afetam o mercado.

    Uma opção é investir por meio de fundos de índice ou empresas do setor de commodities. Assim é possível ter exposição aos preços sem precisar comprar e vender contratos futuros diretamente. Mas ainda assim, é fundamental entender as dinâmicas e riscos envolvidos antes de decidir investir nesse mercado.

    illustration Forex 丨 Índices 丨 Ações 丨 Cripto 丨 Mais Estritamente regulamentado 0 comissão, spreads baixos Alavancagem atrativa de até 1:200 & tight spreads Análise de mercado exclusiva da Trading Central Dicas e insights em primeira mão Suporte multilíngue ao atendimento ao cliente 5/24 Trade on web or app

    Isenção de responsabilidade: este artigo representa apenas a opinião do autor e não pode ser usado como consultoria de investimento. O conteúdo do artigo é apenas para referência. Os leitores não devem tomar este artigo como base para investimento. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, procure orientação profissional independente para garantir que você entenda os riscos.

     

    Os Contratos por Diferença (CFDs) são produtos alavancados que podem resultar na perda de todo o seu capital. Esses produtos não são adequados para todos os clientes; por favor, invista com rigor. Consulte este arquivo para obter mais informações.


    Você achou este artigo útil?
    Artigos Relacionados
    placeholder
    WTI cai mais de 2% em meio ao aumento dos estoques de petróleo nos EUA e aos problemas da demanda globalO petróleo bruto WTI cai para US$ 76,50 por barril, uma queda de 2,14%, após um aumento maior do que o esperado nos estoques de petróleo bruto dos EUA e níveis recordes de produção.
    Autor  Mitrade Team
    O petróleo bruto WTI cai para US$ 76,50 por barril, uma queda de 2,14%, após um aumento maior do que o esperado nos estoques de petróleo bruto dos EUA e níveis recordes de produção.
    placeholder
    Previsão do preço do ouro: XAU/USD atrai alguns vendedores abaixo de US$ 1.980, atentos aos minutos da reunião do FOMCNesta semana, é preciso prestar muita atenção às atas da reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto, ao valor preliminar do PMI de Manufatura Global S&P de novembro dos EUA e a outros dados!
    Autor  Mitrade Team
    Nesta semana, é preciso prestar muita atenção às atas da reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto, ao valor preliminar do PMI de Manufatura Global S&P de novembro dos EUA e a outros dados!
    placeholder
    Previsão do preço do ouro: XAU/USD sobe com os dados fracos dos EUA alimentando apostas de baixa no FedO XAU/USD escalou para uma alta de US$ 1.987, registrando ganhos de 1,35%. A produção industrial dos EUA de outubro ficou abaixo do esperado.
    Autor  Mitrade Team
    O XAU/USD escalou para uma alta de US$ 1.987, registrando ganhos de 1,35%. A produção industrial dos EUA de outubro ficou abaixo do esperado.
    placeholder
    Análise do preço da prata: XAG/USD cai após pedidos de auxílio-desemprego mais baixosO XAG/USD continuou sua trajetória descendente e caiu para US$ 23,75, abaixo de sua SMA de 20 dias.
    Autor  Mitrade Team
    O XAG/USD continuou sua trajetória descendente e caiu para US$ 23,75, abaixo de sua SMA de 20 dias.
    placeholder
    WTI perde impulso acima de US$ 76,00 com a reunião da OPEP+ adiada O Índice de Gerentes de Compras de Manufatura, o Índice de Gerentes de Compras de Serviços etc. podem ter um impacto significativo no preço do petróleo WTI cotado em dólares americanos!
    Autor  Mitrade Team
    O Índice de Gerentes de Compras de Manufatura, o Índice de Gerentes de Compras de Serviços etc. podem ter um impacto significativo no preço do petróleo WTI cotado em dólares americanos!