Fed mantém taxa de juros entre 5,25% e 5,5% e sinaliza um corte neste ano

Investing.com
Atualizado em 13/06/2024 02:15
Mitrade Team
coverImg
Fonte: DepositPhotos

Por Jessica Bahia Melo e Leandro Manzoni

Investing.com - O Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve (Fed) decidiu manter a taxa básica de juros dos Estados Unidos no patamar atual, na faixa entre 5,25% e 5,50%, ao fim da reunião de dois dias de política monetária nesta quarta-feira, 12 de junho. Na reunião passada, o Fed também manteve a pausa nas altas dos juros, que iniciou em setembro. Os juros seguem em território contracionista, com o objetivo de fazer com que a inflação volte para a meta de 2%. Além disso, sinalizou um corte neste ano, segundo mediana das projeções do colegiado.

A votação foi unânime e veio em linha com 95,8%% dos investidores que estimavam a manutenção dos juros, de acordo com a ferramenta Monitor da Taxa de Juros do Federal Reserve do Investing.com. Além disso, o Comitê seguirá com a diminuição nas participações em títulos do Tesouro e dívida de agências e títulos garantidos por hipotecas de agências.

Os diretores apontam que as perspectivas econômicas são incertas e o Comitê segue atento aos riscos de inflação. “O Comitê não espera que seja apropriado reduzir o intervalo da meta até que tenha ganhado maior confiança de que a inflação está a evoluir de forma sustentável para 2%”, destacou o Fed no comunicado, ao afirmar ainda que “estaria preparado para ajustar a orientação da política monetária conforme apropriado caso surjam riscos que possam impedir que atinja os objetivos”.

Projeções econômicas

A decisão de hoje do Fomc também trouxe as projeções econômicas do Fed, um documento apresentado a cada duas reuniões. A mediana da projeção da taxa Fed Funds para 2024 subiu de 4,6% em março para 5,1% neste mês, o que significa 1 corte de taxa de juros para este ano. Também houve aumento da estimativa da taxa de juros de longo prazo, de 2,6% para 2,8%.

Em relação ao dot-plot, o gráfico com um ponto indicando a projeção da taxa de juros de cada membro votante do Fed indica que 7 autoridades estimam uma taxa Fed Funds em 2024 no intervalo de 5% a 5,25%, enquanto 8 membros enxergam duas reduções de juros este ano, para o intervalo entre 4,75% a 5%. Isso significa que a maioria do colegiado vê ao menos 1 corte de juros este ano. No entanto, 4 autoridades veem os juros entre 5,25% a 5,5%, ou seja, sem realização de cortes este ano.

A deterioração na expectativa de inflação em 2024 e em 2025 motivou o tom hawkish das projeções econômicas. A mediana do PCE, índice favorito de inflação do Fed, subiu de 2,4% para 2,6% para o fim de 2024, enquanto, para o ano que vem, a estimativa avançou de 2,2% para 2,3%. A projeção do núcleo do PCE, que exclui preços voláteis como alimentos e energia, avançou de 2,2% para 2,3%. A meta de inflação de 2% ao ano somente seria atingida em 2026, segundo as projeções.

Outras projeções

Apesar da forte desaceleração do PIB no primeiro trimestre, os membros do Fed mantiveram a projeção de alta de 2,1% da atividade econômica neste ano, de 2% para 2025 e em 2026. As projeções de PIB para os três anos continuam acima da projeção de longo prazo do PIB, em 1,8%. Já para o mercado de trabalho, cujos últimos dados mostraram um cenário ainda forte de contratações - porém com alta na taxa de desemprego -, a mediana das projeções do colegiado também se manteve em relação ao relatório de março, a 4% no fim do ano. Houve, no entanto, aumento da taxa de desemprego para 2025 (de 4,1% para 4,2%) e 2026 (4% para 4,1%), enquanto a projeção de taxa de desemprego de longo prazo avançou de 4,1% para 4,2%.

Taxa de juros em 2025 e em 2026

A expectativa do Fomc para as taxas de juros em 2025 também subiu, passando de 3,9% para 4,1%. No dot-plot, a maioria projeta as taxas no intervalo entre 4% e 4,25%, com 9 membros votantes. 4 membros enxergam as taxas mais baixas do que a projetada pela maioria no fim do ano que vem, com uma autoridade solitária apostando em um juros entre 2,75% e 3%. Outros 6 membros avaliam que os juros ficarão acima de 4,1%, com uma autoridade projetando manutenção das taxas nos níveis atuais. Em 2026, a mediana das projeções aponta uma taxa Fed Funds de 3,1%, com 7 membros projetando nesse patamar no dot-plot. 4 membros veem a taxa de juros abaixo de 3,1% no fim de 2026, enquanto 8 apostam em uma taxa maior.

Isenção de responsabilidade: este artigo representa apenas a opinião do autor e não pode ser usado como consultoria de investimento. O conteúdo do artigo é apenas para referência. Os leitores não devem tomar este artigo como base para investimento. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, procure orientação profissional independente para garantir que você entenda os riscos.

 

Os Contratos por Diferença (CFDs) são produtos alavancados que podem resultar na perda de todo o seu capital. Esses produtos não são adequados para todos os clientes; por favor, invista com rigor. Consulte este arquivo para obter mais informações.


Você achou este artigo útil?
Artigos Relacionados
placeholder
BTG: Bloqueio adequado de gastos possibilitaria melhora do cenário localInvesting.com – Após volatilidade no mercado brasileiro nos últimos meses, a sinalização do governo de que pretende cumprir o arcabouço fiscal e está comprometido com o equilíbrio das contas amenizou
Autor  Investing.com
Investing.com – Após volatilidade no mercado brasileiro nos últimos meses, a sinalização do governo de que pretende cumprir o arcabouço fiscal e está comprometido com o equilíbrio das contas amenizou
placeholder
Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta terça-feiraPor Peter Nurse e Jessica Bahia MeloInvesting.com -- Os comentários do chefe do Fed, Jerome Powell, consolidaram as expectativas de que o Federal Reserve começará a cortar as taxas de juros em setembr
Autor  Investing.com
Por Peter Nurse e Jessica Bahia MeloInvesting.com -- Os comentários do chefe do Fed, Jerome Powell, consolidaram as expectativas de que o Federal Reserve começará a cortar as taxas de juros em setembr
placeholder
S&P 500: Stifel reafirma projeção de queda de 10% até outubroInvesting.com – Em uma nota recente aos clientes, os analistas da Stifel reafirmaram sua expectativa de que o S&P 500 sofrerá uma correção, prevendo uma queda de pouco mais de 10% até outubro de 2024.
Autor  Investing.com
Investing.com – Em uma nota recente aos clientes, os analistas da Stifel reafirmaram sua expectativa de que o S&P 500 sofrerá uma correção, prevendo uma queda de pouco mais de 10% até outubro de 2024.
placeholder
BofA possui visão construtiva sobre atividade brasileira e reforça projeção do PIBInvesting.com – Economistas do Bank of America (NYSE:BAC) (BofA) afirmaram ter uma visão construtiva sobre a atividade econômica brasileira, mesmo com os impactos das enchentes do Rio Grande do Sul, e
Autor  Investing.com
Investing.com – Economistas do Bank of America (NYSE:BAC) (BofA) afirmaram ter uma visão construtiva sobre a atividade econômica brasileira, mesmo com os impactos das enchentes do Rio Grande do Sul, e
placeholder
Citi não prevê mudanças substanciais no mercado devido ao atentado contra TrumpInvesting.com – No fim de semana, o ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobreviveu a uma tentativa de assassinato durante um comício na Pensilvânia. Apesar do grande impacto das manchetes,
Autor  Investing.com
Investing.com – No fim de semana, o ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobreviveu a uma tentativa de assassinato durante um comício na Pensilvânia. Apesar do grande impacto das manchetes,