É hora de começar a se preparar para uma correção da Nvidia?

Investing.com
Atualizado em 28/05/2024 02:06
Mitrade Team
coverImg
Fonte: DepositPhotos

Investing.com - As ações da Nvidia (NASDAQ:NVDA) seguem em alta. Em apenas dois dias, os papéis da empresa de tecnologia subiram mais de 10%, aumentando seu valor de mercado em aproximadamente US$ 243,376 bilhões, para US$ 2,5 trilhões, consolidando sua posição como a terceira empresa mais valiosa em Wall Street.

Esse crescimento foi impulsionado pela divulgação de um forte relatório trimestral, o anúncio de um aumento de dividendos e um desdobramento de ações. A perspectiva permanece positiva, graças à robusta demanda por processadores de inteligência artificial (IA).

No entanto, é importante ter cautela. Com esse aumento expressivo, as ações podem estar sobrecompradas e potencialmente caras. Além disso, existem riscos de correção, devido a fatores externos, como a diminuição da demanda ou bloqueios comerciais, que podem se intensificar se Donald Trump for eleito nas próximas eleições presidenciais dos EUA.

Como podemos proteger nossos portfólios de uma possível queda da Nvidia? A chave está justamente na IA.


Estratégias ProPicks para bater o mercado
A IA do InvestingPro identificou o potencial da Nvidia desde o início e a incluiu em duas estratégias ProPicks: "Vença o S&P 500" e "Titãs da Tecnologia".

A estratégia "Vença o S&P 500" consiste nas 20 ações mais lucrativas e de alto potencial do índice, com maior probabilidade de liderar os ganhos entre as maiores empresas de Wall Street.

Essa seleção inclui outros gigantes conhecidos, como Tesla (NASDAQ:TSLA) e Meta Platforms (NASDAQ:META), além de ações que talvez não estivessem no seu radar, mas que podem render bons lucros.

Entre janeiro de 2013 e abril de 2024, essa estratégia registrou um retorno de 1.021,3%, superando em 769,4% o retorno de 251,9% do S&P 500.

Em termos anualizados, a estratégia apresentou um retorno de 23,8%, significativamente maior que os 11,7% do S&P 500.

Esse desempenho é calculado através de um processo conhecido como backtesting, que avalia o desempenho passado e as características de risco de uma estratégia de negociação usando dados históricos do mercado. Os traders usam o backtesting para simular como uma determinada estratégia teria se saído no passado, com base em regras e parâmetros específicos.

Se seu interesse na Nvidia for voltado para tecnologia, a IA do InvestingPro também a incluiu na estratégia "Titãs da Tecnologia".

Com essa estratégia, você pode explorar as oportunidades tecnológicas mais promissoras de uma seleção de 15 empresas de ponta. Essa lista inclui líderes atuais do setor e empresas emergentes, todas com métricas e inovações impressionantes.

Entre janeiro de 2013 e abril de 2024, a estratégia "Titãs da Tecnologia" registrou um retorno de quase 1.600%, superando o retorno do S&P 500 de 251,9% por impressionantes 1.343,4%.

Isso dá à "Titãs da Tecnologia" um retorno anualizado de 28,4%, superando também os 11,7% do S&P 500 e os 15,7% do Nasdaq Composite.

Isenção de responsabilidade: este artigo representa apenas a opinião do autor e não pode ser usado como consultoria de investimento. O conteúdo do artigo é apenas para referência. Os leitores não devem tomar este artigo como base para investimento. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, procure orientação profissional independente para garantir que você entenda os riscos.

 

Os Contratos por Diferença (CFDs) são produtos alavancados que podem resultar na perda de todo o seu capital. Esses produtos não são adequados para todos os clientes; por favor, invista com rigor. Consulte este arquivo para obter mais informações.


Você achou este artigo útil?
Artigos Relacionados
placeholder
Nvidia: depois de desbancar Microsoft, o que esperar da empresa mais valiosa do mundo?Investing.com – A Nvidia (NASDAQ:NVDA) superou ontem a Microsoft (NASDAQ:MSFT) como empresa mais valiosa do mundo, depois de atingir uma capitalização de mercado de mais de US$ 3,34 trilhões.A Apple (
Autor  Investing.com
Investing.com – A Nvidia (NASDAQ:NVDA) superou ontem a Microsoft (NASDAQ:MSFT) como empresa mais valiosa do mundo, depois de atingir uma capitalização de mercado de mais de US$ 3,34 trilhões.A Apple (
placeholder
S&P 500 pode desabar mais de 20% até o fim do ano, segundo analistaInvesting.com - Enquanto o mercado de ações dos EUA alcança novos recordes, é raro encontrar analistas com uma visão negativa sobre as ações. No entanto, um dos mais renomados, Marko Kolanovic, do JPM
Autor  Investing.com
Investing.com - Enquanto o mercado de ações dos EUA alcança novos recordes, é raro encontrar analistas com uma visão negativa sobre as ações. No entanto, um dos mais renomados, Marko Kolanovic, do JPM
placeholder
Alta do mercado sustentada por ações de tecnologia é sustentável?Investing.com – As grandes empresas do setor de tecnologia têm liderado os retornos do mercado de ações americano recentemente. Esse desempenho notável é sustentado por um crescimento expressivo nos l
Autor  Investing.com
Investing.com – As grandes empresas do setor de tecnologia têm liderado os retornos do mercado de ações americano recentemente. Esse desempenho notável é sustentado por um crescimento expressivo nos l
placeholder
Crescimento mais lento é risco para ações dos EUA, alerta Morgan StanleyInvesting.com – Os analistas do Morgan Stanley (NYSE:MS) alertam que a desaceleração do crescimento econômico pode ser um risco para as ações dos EUA, especialmente para os setores mais sensíveis às
Autor  Investing.com
Investing.com – Os analistas do Morgan Stanley (NYSE:MS) alertam que a desaceleração do crescimento econômico pode ser um risco para as ações dos EUA, especialmente para os setores mais sensíveis às
placeholder
Duas ações de tecnologia com potencial de alta de mais de dois dígitosInvesting.com – Se o mercado brasileiro segue patinando neste ano, investidores têm opções de sobra para avaliar nas bolsas de valores internacionais. Nesta segunda, apontamos duas ações de tecnologia
Autor  Investing.com
Investing.com – Se o mercado brasileiro segue patinando neste ano, investidores têm opções de sobra para avaliar nas bolsas de valores internacionais. Nesta segunda, apontamos duas ações de tecnologia